2016 Segunda-Feira, 25 de Julho

O inevitável vai e volta da moda


Quem nasceu nos anos 2000 talvez não vai saber que 90% do que está em alta no momento não é de hoje, mas das décadas passadas. Não é nenhuma novidade que a moda sempre volta, e não é fácil pra quem gosta de acompanhar as tendências da moda se segurar nas compras. A indústria está sempre incentivando que compremos mais, as marcas lançam coisas novas e os famosos "must-have" da estação nos levam à loucura. Talvez tenha sido em oposição à isso que as fashionistas resolveram trazer um outro estilo de volta, e - como sempre - as grandes grifes não demoraram à abraçar essa ideia: a volta dos anos 90. E não é exagero não, basta uma breve pesquisa no nosso querido Google imagens pra confirmar, nós estamos praticamente vivendo essa época de novo. E em tempos de indústrias quase que completamente fast-fashion, esse retorno do "old" vem como um respiro de tantas peças trend que a gente compra e depois ficam paradas o resto do ano no roupeiro pois viram referência do brega (nem precisamos citar exemplos, né?) E isso é o que há de mais maravilhoso nessas tendências que estamos amando: elas são atemporais. Dá uma olhada nas nossas inspirações de peças que já estiveram no topo anos atrás e agora voltaram com tudo!

Jeans de mãe!

(Foto: Reprodução/Pinterest)

Teve até uma época em que todo mundo deu graças a deus por se livrar do famoso jeans de mãe, "mom's jeans" como é conhecido lá fora. Mas não tem quem não morra de amores, ele voltou com tudo e vem geralmente com cintura alta, sempre largão e as vezes em modelos destroyed. E quem é fã de F.r.i.e.n.d.s entende toda a nostalgia que essa peça linda carrega!

(é muito amor envolvido)


E combinado com New Balance, seria meu sonho?? 

Gargantilhas!

(Foto: Reprodução/Pinterest)

As gargantilhas que deixam qualquer look mais descolado também não foram invenções atuais não, quem foi criança nos anos 90 com certeza usou muito os "tattoo chokers", que são essas gargantilhas de nailon trançado que ficam grudadinhas no pescoço, como se fossem uma tatuagem.


A Miley fez show assim, com gargantilha de girassol (que aliás é um elemento muito característico dos anos 90)


E a Willow Smith rainha postou no insta fotinho com tattoo choker <3


Evidentemente a Kylie não ficaria de fora, aliás ela é uma das primeiras famosas e fashionistas que começou a ressuscitar essa (e muitas outras) tendências antigas.

O Grunge!

Com muito xadrez, creeper, coturno e jeans rasgado: ta aí um estilo que, ao menos por aqui, a gente nunca deixou de amar. Atualmente ele volta reformulado e combina peças muito despojadas com outras peças mais chiques, como sapatos de salto.


(Fotos: Reprodução)

E, claro, não da pra deixar de falar da nossa queridinha aqui da loja, a Melissa Aranha 79/16!! Ela é nada menos do que uma versão da famosa sandália Aranha 1979 mas remodelada e com um ar mais moderno e a plataforma um pouquinho mais larguinha. Linda como toda Aranha sempre é, mas carrega uma personalidade única, buscando no passado a inspiração pra transformar as tendências de hoje.

Mais retrô impossível, e você pode comprar aqui!

Logo estaremos recebendo mais modelos de melissa nesse estilo, é só ficar ligada nas nossas redes sociais pra receber em primeira mão as novidades!
Segue la:

Um beijo e até a próxima!! <3

Comentários

2016 Terça-Feira, 19 de Julho

FÉRIAS: 10 séries para viciar

As férias chegaram!! Tempo de curtir, viajar e se divertir. Mas se não vai dar pra viajar, pode ficar calma... a gente selecionou 10 das nossas séries preferidas pra ti te jogar no sofá com aquela pipoca e esquecer que existe outra coisa no mundo melhor do que teu notebook.

10. Gossip Girl
Não é novidade pra ninguém, a série teve início em 2007 e terminou em 2012, com um total de 121 episódios. O drama é sobre jovens estudantes das escolas de elite do Upper East Side de Manhattan em Nova York, e se dá quando a personagem Serena retorna à cidade após ter ficado seis meses fora em um internato e se mantido fora do alcance de amigos e conhecidos. Os acontecimentos e histórias de cada personagem são narrados em um site por uma blogueira anônima, que atende pelo pseudônimo "Gossip Girl" (garota fofoqueira, em português). A série é babado do início ao fim, tem personagens cativantes e vai te encher de vontade de fazer parte dessa trama. Vale a pena dar uma conferida!!


09. Bates Motel
Diferente do nosso décimo lugar, quem ocupa a nona posição não tem nada de glamouroso: essa é para os fãs dos clássicos do terror. A série é uma versão contemporânea do filme Psicose, de 1960 (baseado no romance de mesmo nome escrito por Robert Bloch), que retrata a vida de Norman Bates e de sua mãe Norma antes dos eventos retratados no filme de Alfred Hitchcock. A série tem início depois da morte do marido de Norma, quando ela adquire um motel localizado em uma cidade costeira chamada White Pine Bay, no estado de Oregon, nos Estados Unidos, para que ela e Norman possam começar uma nova vida. Quem já era fã de Psicose vai se apaixonar: a série mostra a "evolução" de Norman, desde os primeiros anos de vida, até se tornar o famoso psicopata que marcou a história do cinema.


08. American Horror Story
Aqui vai mais uma pra quem gosta de levar uns sustos! A série já conta com 5 temporadas, e o mais legal é que cada uma delas possui seu próprio início, meio e fim. Isso significa que você não precisa assistir cada uma delas em sua sequência cronológica, pode simplesmente escolher a que mais te agrada de acordo com o  tema de cada uma - e que temas! A primeira temporada, intitulada American Horror Story: Murder House, ocorre nos dias atuais e é centrada na família Harmon, que se muda para uma mansão restaurada, sem saber que a casa é assombrada pelos seus antigos habitantes. A segunda temporada, intitulada "Asylum", ocorre no ano de 1964 e segue as histórias dos pacientes, médicos e freiras que ocupam uma instituição para criminosos insanos. A terceira temporada, "Coven", é também voltada para os dias atuais, na cidade de Nova Orleans, e exibe acontecimentos de um clã de bruxas originadas de Salém e do vodu. A quarta temporada, "Freak Show", trata de um espetáculo de aberrações na cidade de Jupiter, Flórida, em 1950. Por fim, a quinta temporada, "Hotel", estreou em outubro de 2015 e é ambientada em um hotel macabro, além de contar com a atuação da nossa rainha Lady Gaga que lacrou interpretando uma condessa inspirada na famosa história - real - da Condessa Elizabeth Bàthory, conhecida como uma das mulheres mais perversas que a humanidade já conheceu.


07. Orphan Black
Em sétimo lugar, uma série que vai te fazer nunca mais sair da frente da tela: Orphan Black. A história centra-se em Sarah Manning, uma mulher que assume a identidade de outra mulher (seu clone), Elizabeth Childs, depois de testemunhar o suicídio da mesma.  Essa série levanta questões sobre as implicações morais e éticas da clonagem humana e seus efeitos sobre questões de identidade pessoal. Conta com 3 temporadas até então, e as críticas positivas prometem que muito mais está por vir! Vale muito conferir essa série, mas cuidado, você corre o risco de viciar!


06. Sense8
Essa série tem sido uma das mais comentadas dos últimos tempos, e com motivo! Trata-se de uma ficção dramática que conta a história de oito desconhecidos; cada uma dessas pessoas é de uma cultura e um país diferente. Em seu cotidiano, todos subitamente têm uma visão da violenta morte de uma mulher chamada Angelica e, a partir de então, eles descobrem estar mental e emocionalmente ligados um ao outro, sendo capazes de se comunicar, sentir e apoderar-se do conhecimento, linguagem e habilidades alheias. A quem tem esse tipo de dom é dado o nome de Sensate (daí vem o nome da série, um trocadilho). Ao passo que tentam descobrir como e por que esta conexão aconteceu e o que isso significa, um misterioso homem chamado Jonas tenta ajudar os oito. Enquanto isso, outro estranho chamado Whispers tenta caçá-los, usando o mesmo poder "sensate" para ganhar acesso total a uma mente sensate depois de olhar em seus olhos. Cada episódio reflete os pontos de vista dos personagens que interagem uns com os outros enquanto aprofundam suas origens, suas diferenças e as experiências passadas que possam uni-los. O mais bacana da série é que ela aborda temas muito atuais e que precisam ser falados, como questões de identidade sexual e de gênero, contando, inclusive, com uma atriz transgênero no elenco, Jamie Clayton, que interpreta Nomi Marks, uma mulher transexual, lésbica, ativista política e hacker que luta pelos direitos LGBT.


05. Orange is The New Black
Essa também todo mundo já conhece, mas ainda tem quem não tenha se animado pra dar uma chance à ela. Essa série absolutamente incrível se desenvolve ao redor da história de Piper Chapman, que mora em Nova York e é condenada a cumprir 15 meses numa prisão feminina federal por ter participado do transporte de uma mala de dinheiro proveniente do tráfico de drogas quando mais jovem a pedido de sua ex-namorada, Alex Vause, que é peça importante num cartel internacional de drogas. O delito ocorreu dez anos antes do início da série e, no decorrer desse período, Piper seguiu sua vida tranquila entre a classe média-alta de Nova York. Já no alto dos seus trinta e poucos anos, desfruta de uma felicidade sem tamanho ao lado do seu noivo Larry Bloom, deixando seu passado sombrio de lado, até ele resolver voltar para assombrá-la. Para pagar por seus crimes, Piper tem que trocar sua vida confortável pela prisão. Tragada por um universo laranja completamente distinto do seu acaba encontrando tensão e companheirismo num grupo de detentas em um lugar em que é impossível fugir, principalmente de si mesma. Apesar do tema pesado e de momentos igualmente tensos, é uma comédia dramática que te fará gargalhar, chorar e abrir os olhos pra uma realidade que milhares de mulheres enfrentam todos os dias. 


04. How To Get Away With Murder
Essa série migas, assistam essa série!!! Poderia muito bem estar na primeira posição da nossa listinha, mas daqui em diante ficou muito difícil escolher em que ordem elas viriam. Então assim, ela está em quarta posição mas tenha em mente que o nível dela é de primeiro lugar (da lista e do nosso coração). Mas sem mais delongas, vamos entender um pouquinho mais dessa série que segue a vida pessoal e profissional de Annalise Keating, uma professora de Direito Penal da fictícia Universidade de Middleton, na Filadélfia, uma das mais prestigiadas Escolas de Direito na América. A advogada de defesa, Annalise, seleciona um grupo dos seus melhores alunos em sua turma da universidade para trabalhar em seu escritório. São eles: Connor Walsh, Michaela Pratt, Asher Millstone, Laurel Castillo e Wes Gibbins. Em sua vida pessoal, Annalise vive com seu marido Sam Keating, um renomado psicólogo, mas também vive um relacionamento às escondidas com um detetive local. Quando sua vida pessoal e profissional começa a entrar em colapso, Annalise e seus alunos se verão envolvidos, involuntariamente, em uma trama de assassinato e muuuuuitos mistérios. Se você ama direito e advocacia, não perca mais tempo pois tu irá te apaixonar. E se você não gosta, também vai se apaixonar igual. É muito amor por uma série!


03. Awkward
Essa é uma das séries mais engraçadas e divertidas que existem, certamente! Trata-se de uma comédia-drama que conta a história de uma estudante "invisível", Jenna Hammilton, que após sofrer um acidente bizarro, todos começam a pensar que ela tentou suicídio e, assim, começa a ganhar um certo tipo de popularidade (não muito positiva). O problema é que Jenna se apaixonou pelo garoto mais popular da escola, Matty McKibben, e ele só a namora escondido por vergonha e medo de ser ridicularizado. Enquanto ela lida com sua vida amorosa desastrosa e suas relações com outros casais, ainda tem que gerenciar o drama diário que vem junto com ser uma adolescente. A série é cheia de personagens hilários, incluindo a inimiga de Jenna, Sadie Saxton, uma líder de torcida que implica com ela aparentemente sem motivo nenhum e é o esteriótipo da patricinha que humilha à todos. Essa série prende a gente na tela e, quando acaba, parece que o mundo inteiro ao nosso redor está diferente. Vale muito a pena conferir!


02. Stranger Things
A mais nova série produzida pela Netflix veio pra viciar completamente. Estreou dia 15 de julho e remete à década de 1980, na qual um jovem rapaz desaparece misteriosamente na cidade de Hawkings, em Indiana. A primeira temporada possui oito episódios com cerca de uma hora cada (e já precisamos de mais, muuito mais!!). Enquanto a polícia, a família e os amigos procuram respostas, eles acabam mergulhando em um extraordinário e macabro mistério envolvendo um experimento secreto do governo, forças sobrenaturais e uma garotinha muito, mas muito estranha!


1. Freaks and Geeks
Em primeiro lugar dessa nossa listinha tão especial, não poderia ser outra série que não a nossa favorita e maravilhosa do início ao fim: Freaks and Geeks!! A série de comédia dramática estadunidense foi exibida entre 1999 e 2000, mas ganhou popularidade ao ser exibida pela Netflix este ano. Sua trama gira em torno da adolescente Lindsay Weir e seu irmão Sam Weir que frequentam a escola Liceu McKinley no início dos anos 80, nos subúrbios de Detroit, Michigan. Ao ser abalada pela morte da avó, Lindsay perde alguns hábitos e ganha novos quando faz novos amigos, um grupo que é vulgarmente conhecido na escola como "freaks" (loucos, em português). Este novo estilo de vida de Lindsay traz conflitos às relações com seus pais. Os primeiros episódios da série, em especial, ilustram a transição da vida de Lindsay, como uma "matleta" inata que tem como melhor amiga Millie, uma garota super religiosa. Lindsay passa a vestir o casacão do exército do pai e sai com seus novos amigos politicamente incorretos e vistos como problemáticos pela sociedade conservadora. Parte significativa da trama da série consiste em seu relacionamento com seus novos amigos e a fricção que isso causa em seu relacionamento com os pais e sua própria imagem. De forma paralela, a série mostra o percurso de Sam e seus amigos geeks enquanto eles tentam se encaixar em um novo universo social. Essa série linda, produzida numa época de muitos tabus e preconceitos, vem pra mostrar que os freaks podem não ser tão freaks assim, e trazer uma nova perspectiva dos dramas adolescentes tão abordados nas produções cinematográficas. Infelizmente, a série durou pouco: foram 18 episódios, sendo cancelada em 2000, o que causou uma grande revolta e protesto por parte dos fãs. Agora que a série voltou a ter popularidade, nos resta torcer para que alguma produtora (ou a própria Netflix) trabalhe em um remake ou continuação deste curta que mexeu com o coração da gente, e deixou um gostinho de quero mais que não vai ser fácil de apagar.


Então é isso gurias, espero que tenham gostado dessa seleção que fizemos com carinho pra ninguém passar tédio nessas férias. Se você já assistiu ou vai assistir alguma dessas, deixa pra a gente nos comentários! Vamos adorar ler a opinião de vocês sobre cada uma delas.

Uma boa semana!! <3

Comentários